A importância do feedback para uma empresa

Uma empresa que se preocupa com o crescimento dos seus funcionários e de bons resultados, provavelmente já é uma adepta do sistema de feedbacks. Essa técnica é essencial para estabelecer uma relação de confiança entre colaboradores e líderes, além de ajudar a aprimorar habilidades e solucionar problemas no ambiente de trabalho. Segundo um estudo global do Top Employers Institute, essa foi eleita, num levantamento feito com 600 empresas pelo mundo, a melhor forma de avaliação de desempenho. Veja a seguir as vantagens de implementar o feedback em uma empresa:

Para os funcionários

Reconhecimento é algo muito importante para o ser humano. De acordo com um artigo do Instituto Brasileiro de Coaching, existem alguns estudos que mostram que nosso cérebro tem uma parte dedicada à recompensa e a motivação. Assim, quando essa área é ativada, o corpo libera substâncias que fazem com que a pessoa fique mais comprometida e focada em suas metas.

Logo, ter o reconhecimento de pontos bons ajuda bastante no empenho de atividades. Mas, como nem tudo são flores, o feedback vem também para apontar melhorias. Sendo indicadas da maneira certa e com a sugestão de caminhos produtivos, essa é uma ótima maneira de desenvolver o contratado, colocando metas flexíveis e criando um diálogo contínuo durante a transformação.

Para a empresa

O objetivo de um empreendimento é crescer e alcançar cada vez mais resultados positivos, certo? Para isso é necessário, além de outras coisas, que exista uma equipe qualificada por trás dos serviços. Utilizando a técnica do feedback, os líderes de uma empresa conseguem uma relação mais próxima com seus colaboradores, aprendendo suas necessidades, forças e fraquezas. Assim, é possível encontras soluções para os problemas de forma mais simples, ter mais propriedade para negociar com um funcionário e indicar caminhos para o aprimoramento de suas habilidades.

E como é feito um bom feedback?

Confira algumas dicas para realizar um bom feedback:

1- Se organize

Pense no que e em como você irá falar

2- Escolha o lugar certo

Pense num ambiente quieto e confortável, para diminuir a tensão

3- Não comece pelos pontos negativos

A pessoa pode ficar chateada e na defensiva para ouvir o restante das coisas.

4- Fale mas também escute

Escute as opiniões da pessoa recebendo o feedback e esteja aberto a tirar dúvidas e a acompanhá-la ao decorrer da transformação.

5- Cuidado com as palavras

Escolha com cuidado que palavras usar e lembre-se, o feedback é para ser construtivo e trazer melhorias, não tristeza e desmotivação