Visão geral do programa

Pelo programa Lar Global da AIESEC você pode viver uma experiência de aprendizado multicultural ao se voluntariar para receber um intercambista por 6 a 12 semanas.

É sua chance de colocar em prática uma língua estrangeira, viver novas experiências e trocas culturais, criar conexões internacionais e, principalmente, viver a diversidade!

Confira no vídeo o relato de um de nossos participantes!

Por quê hospedar um intercambista?

Hospedar um intercambista voluntariamente é sobre ajudar alguém a melhorar a sua cidade

O que você precisa para hospedar um intercambista?

Ter ao menos uma Cama ou Colchão individual. Não é necessário um quarto individual.

Acesso ao banheiro, áreas comuns da casa e a residência.

Experiência Voluntária

Água para uso.

Vontade de conhecer outras culturas.

FAQ - Dúvidas Frequentes

O que é pré-requisito para participar? Preciso falar inglês?

Não precisa falar inglês! A experiência de é, entre outras coisas, sobre a vivência prática de uma nova língua e essa pode ser uma excelente oportunidade para aprender. Para hospedar um intercambista, você só precisa ter disponibilidade para hospedar de 6-12 semanas, um local para o intercambista dormir (que não precisa ser um quarto individual!), prover acesso às áreas comuns da casa e uso de água e luz sem custos adicionais para o intercambista.

Como é o suporte da AIESEC para o Host? A AIESEC paga alguma coisa?

Não há nenhum custo ou recompensa pela hospedagem, o objetivo é receber um intercambista voluntariamente. A AIESEC irá te encontrar e apresentar o intercambista, bem como acompanhar semanalmente durante a experiência para saber como estão as coisas e prestar auxílio no que for necessário. Além disso, é responsabilidade da AIESEC prover um espaço de indução e contato para tirar todas as suas dúvidas antes da chegada do intercambista. Estamos sempre à disposição e abertos para ajudar!

Quem são os intercambistas que viajam pela AIESEC?

São jovens de 18 a 30 anos que buscam desenvolver liderança através de intercâmbios transculturais providos pela organização. Os intercambistas que vem para cá costumam vir de diferentes países, principalmente da América Latina e Europa, e estão engajados de forma voluntária em projetos de impacto social e profissional em 43 cidades do Brasil.

Como funciona a experiência?

Contato

Após a sua inscrição, analisaremos as informações sobre o alojamento que você fornecerá e entraremos em contato com você.

Recepção

Assim que o jovem for designado para a sua família, iremos informá-lo para que você possa o acompanhar para lhe dar as boas vindas.

Apoio

Por meio do acompanhamento, garaniremos que ambas as partes tenham uma boa experiência.

Os nossos parceiros premium