Como aplicar a cultura organizacional no processo de internacionalização?

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

A aplicação da cultura organizacional é extremamente relevante no processo de internacionalização. Não é à toa que empresas de sucesso, internacionais e nacionais, apresentam uma liderança muito participativa, a qual tem como objetivo manter a cultura da empresa sempre latente na mente de todos os colaboradores.

Cultura organizacional é um conceito que envolve o comportamento, a rotina e a mentalidade de uma empresa. Assim, as organizações podem ser consideradas microcosmos, uma vez que contam com suas hierarquias, regras, valores e princípios éticos que ditam o comportamento das pessoas que ali convivem.

A cultura tem sido uma preocupação cada vez mais frequente no dia a dia das organizações, já que influencia diretamente na atração e na retenção de talentos. E você, também se interessa pelo assunto? Então veja um passo a passo de como aplicá-la no processo de internacionalização da sua empresa!

Tenha atitude

Planeje a cultura, mas coloque-a em prática. Não é possível desenvolver a cultura organizacional de uma empresa apenas considerando que ela está pendurada na parede. O seu progresso ocorre especialmente por meio da prática e de exemplos que levem as pessoas a exercer determinados comportamentos desejados.

Para tanto, é importante compreender que a cultura está nas pessoas. Assim, é fundamental que elas entendam como a visão, os valores e a missão da empresa podem conduzi-las para o sucesso à medida que são praticados.

Respeite as diferenças

Não se pode aplicar a cultura organizacional tendo apenas as crenças como base. É imprescindível que se conheça a equipe e suas diferenças, de modo a conduzi-la a internalizar os valores organizacionais em harmonia com suas próprias crenças, histórias e valores.

Desenvolva uma cultura organizacional transparente

Com a chegada da internet, as informações passaram a ser muito mais acessíveis. É por isso que as empresas devem arriscar e experimentar novas soluções de comunicação mais adequadas e transparentes a esse novo momento.

Essa já deixou de ser uma discussão ideológica e teórica. Tanto o público interno quanto o externo não permitem informações truncadas e que mostram somente parte do contexto.

O que se espera das corporações, portanto, é responsabilidade em suas ações, além de uma conduta transparente e muito diálogo. A empresa deve ser capaz de elucidar de maneira objetiva e clara todas as questões que possam vir a ser levantadas pela sociedade e pelos seus funcionários.

Dê sentido às pessoas

Conhecendo a equipe, suas diferenças e características é possível inspirar os colaboradores de maneira que eles consigam se encontrar dentro do propósito organizacional.

O trabalho cotidiano só terá sentido se as pessoas puderem se ver no futuro da empresa, de modo que todos se sintam realizados quando ela alcançar sua meta. 

Comunique os objetivos aos colaboradores

Para que um negócio consiga alcançar suas metas, é importante que os funcionários estejam alinhados com a visão, os valores e a missão da empresa. A cultura e a comunicação devem estar diretamente ligadas, uma vez que ambas têm o papel de criar um bom relacionamento entre os funcionários e a organização. 

Para tanto, é preciso investir em canais de comunicação, como jornais, murais e até mesmo intranet para informar os colaboradores sobre todos os aspectos relevantes que acontecem dentro da empresa.

Aqueles que acreditam em uma cultura organizacional forte e eficiente e trabalham para mantê-la certamente criarão uma maior satisfação entre os funcionários e clientes, o que culminará em mais lucros e novos voos.

Se você gostou deste artigo, aproveite a visita e conheça os benefícios de uma cultura organizacional forte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *