Voluntário Global: história de mulheres impactaram vidas

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

O Voluntário Global é capaz de impactar várias vidas devido a sua ampla possibilidade de escolhas. Esse tipo de intercâmbio entrega diferentes benefícios socioculturais, além de ter uma influência na carreira profissional de quem o faz. Fazer um intercâmbio voluntário é uma chance de contribuir com alguma ODS (Objetivo de Desenvolvimento Sustentável) e ter uma experiência única na sua vida. O contato com novas culturas e a imersão em uma realidade completamente diferente da sua, ajuda a moldar as pessoas. E é pensando nisso que eu quero te contar algumas histórias de mulheres que escolheram o Voluntário Global e impactaram vidas nas escolas.

Mulheres que impactaram vidas

Vem conhecer e se inspirar no relato dessas mulheres que decidiram embarcar nessa jornada e impactaram vidas com seus intercâmbios voluntários.

Rebeca Janes, ODS 4 e 10

“Senti que fiz muita diferença. As crianças do projeto do qual participei eram muito carentes, elas nunca teriam contato com pessoas de outros países. Tive oportunidade de ensinar sobre igualdade de gênero, bullying, desigualdades no geral, e talvez essas crianças possivelmente não teriam contato com esses tipos de assuntos e as meninas não teriam esse exemplo. […] Lembro de uma menina específica que tinha um brilho nos olhos ao me ver, uma mulher viajando sozinha e trabalhando”, relembra.

Rebeca com os alunos da ONG no Peru, impactando vidas
Rebeca com os alunos da ONG no Peru.
Imagem: Arquivo Pessoal

Alissa Miyakawa, ODS 10

“Lidei com crianças que passam fome. Obviamente não tive o poder de acabar com a fome dessas pessoas e nem com a desigualdade do país, mas o que senti de impacto foi ver as crianças bem animadas com a nossa presença e aproveitando ao máximo a nossa companhia. […] Eu percebi esse impacto quando vi a preocupação que elas tinham em saber se a gente voltaria no dia seguinte, quando vi as crianças chegando na ONG direto para torneira para lavar as mãos depois de ensinarmos sobre a importância da higiene, e quando vi o número de cartas carinhosas que eu acumulei, desenhadas e escritas por todas elas”, relata.

Crianças da ONG no México em que Alissa participou e suas vidas sendo impactadas
Crianças da ONG no México em que Alissa participou.
Imagem: Arquivo Pessoal

Maria Isabela, ODS 10

“Em cada uma das instituições que passei, eu pude ver um pouquinho do impacto que eu fiz, e também do que eu recebi. Eu sempre digo que eu fui tão impactada quanto, impactei. Eu percebia quando via as crianças e os adolescentes me esperando chegar… quando recebia um abraço de gratidão… ou quando via o desenvolvimento deles nas atividades que fazíamos juntos. […] Um momento que me marcou muito foi com um dos adolescentes autistas, que era um dos casos mais severos de autismo do centro integral. Construímos uma conexão muito forte, e ele passou a realizar todas as atividades que eu trazia de proposta. Em uma das aulas de musicalização, que ele nunca participava, ele tomou a iniciativa de me puxar pra dançar, e foi algo que emocionou todos da instituição, inclusive eu”, afirma.

Maria Isabela com colegas do intercâmbio e alunos, impactando vidas
Maria Isabela com colegas do intercâmbio e alunos.
Imagem: Arquivo Pessoal

Agora que você conheceu essas histórias emocionantes, que tal impactar o mundo e realizar sonhos, através do seu  seu intercâmbio com a AIESEC?

Quer impactar o mundo e seu futuro? Com a AIESEC você pode se desenvolver profissionalmente e pessoalmente, entre no nosso site e inscreva-se no comitê local mais próximo de você!

Por Gabrielle Aguiar

Veja mais em: https://aiesec.org.br/blog-aiesec/