Ser da Aiesec é ajudar com o sonho do intercâmbio.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Bom, mais uma área para apresentar para vocês. ANIMADA aqui em?!. Então, carinhosamente chamamos de OGV, que quer dizer, outgoing global volunteer, ou voluntariado global para brasileiros. É nosso setor que realizam sonhos, pode se dizer. Somos Brasileiros que ajudam Brasileiros a fazer um intercambio para ajudar o mundo. Portanto ser voluntário da Aiesec é basicamente isso, ajudar com o sonho do intercambio. O quanto maravilhoso é isso? Um grande looping de amor.

Então, também fiz parte dessa área aqui em Recife, iniciei nela na verdade. Basicamente, é o serviço inverso de IGV (voluntariado global para estrangeiros), caso você ainda não tenha lido sobre, checa aqui para saber mais.

Esse é o Breno, ja falei dele antes. Ele viveu a experiência no Quênia e amou. Dá uma olhada no nosso post aqui, com certeza você vai se apaixonar.

Sendo dessa área você cuida em todos os aspectos das pessoas que estão indo fazer o voluntariado lá fora. Assim, dentro do setor, temos as subareas e nesse caso as mais importantes são: Vendas e Acompanhamento.

Primeiramente, a venda é quando você passa a conhecer o cliente e informa sobre a experiencia de intercambio lá fora, sobre a oportunidade. Afinal, você que está vendendo detém todas as informações. Ainda mais que nós temos contatos com escritórios do mundo todo, então podemos informar melhor quais os benefícios que cada oportunidade tem. Ah,temos a mais variada lista de países, então buscamos a melhor oportunidade para aquilo que você está buscando, para assim oferecer o melhor para o intercambista.

Já no acompanhamento, tem início quando o intercambista ja fechou a oportunidade e está a pouco de iniciar sua experiência. Por tanto, o acompanhamento deve está presente para ajudar em eventuais dúvidas, seja sobre documentação, alguns países tem necessidade de visto mesmo que seja apenas para 6 semanas de estadia (Lista de países que precisam de visto). Ou cultura do país de destino, do mesmo modo que temos a nossa cultura bem presente, você está saindo da sua zona de conforto e mergulhando em uma nova cultura. Então é muito importante esse esclarecimento sobre a nova cultura, mesmo que seja “similar” a nossa, ainda sim o choque cultural pode ser grande, (AKA, leiam a história da Malu, que foi para a Argentina e viveu a experiencia, e ainda continua voltando de tanto que se apaixou pelo país).

Viver a experiencia é algo único, mas a Ruth tentou te explicar como foi a dela, pro Peru. Ja leu?

Ainda mais, ao chega lá, o acompanhamento está presente durante toda a experiência para saber tudo está correndo como planejado e no retorno busca saber um feedback se aquela aiesec fez um bom trabalho e cumpriu com o combinado.

Enfim, espero que vocês estejam curtindo saber mais sobre Aiesec e como funciona a nossa organização. Logo, logo vamos trazer outras áreas para apresentar a vocês. Hoje foi o dia de mostrar como ajudar os brasileiros a vivenciar o sonho do intercambio, Ogv (voluntariado globa para brasileiros).

Mas já que estamos falando sobre isso, me conta qual o lugar que você sonha em fazer intercambio?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *