Como a experiência de membro da AIESEC pode mudar sua vida?

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Você procura uma organização em que você possa se desenvolver pessoal e profissionalmente? Um lugar que desperte todo seu potencial? Conheça a história de Orion e saiba por que a AIESEC pode ser o lugar ideal para você.

Orion conheceu a AIESEC por meio de um colega que era presidente de um comitê local. Ele admirava a dedicação que seu colega tinha por aquela causa, e quis saber mais sobre a ONG. Quando finalmente entendeu qual era o propósito real da AIESEC, ele percebeu que precisava fazer parte da organização.

No começo de 2009, Orion entrou para a AIESEC, no comitê local de Franca, interior de São Paulo. Estar em uma ONG gerida por jovens e que prezava pela diversidade e por trocas interculturais fazia com que ele se sentisse em casa. Além disso, o ambiente multicultural, a possibilidade de hospedar intercambistas e de estar em contato com culturas diversas fez com que seu fascínio pela organização crescesse cada vez mais.

Orion passou sete anos na AIESEC, de 2009 a 2015, e durante esse período ele pôde vivenciar um pouco de tudo que a organização tem a oferecer. Além de hospedar intercambistas, ter participado do programa de voluntário global e ter realizado várias conferências, ele foi diretor do comitê local por dois anos seguidos, foi diretor do comitê nacional da AIESEC no Brasil também por dois anos, realizou projetos pela AIESEC fora do Brasil e chegou a participar do seleto time da AIESEC Internacional.

Orion e o time da AIESEC International

Qual foi o melhor momento que você viveu como membro da AIESEC?

Apesar da ampla experiência como líder de vários times dentro da AIESEC, tendo passado por por áreas como business development, vendas, recursos humanos e relações internacionais, além da experiência única como diretor da AIESEC International, o melhor momento que ele viveu dentro da organização foi durante seu intercâmbio voluntário para o Egito.

Orion foi trabalhar em uma ONG no Cairo, que promovia desenvolvimento pessoal de crianças por meio das artes. A experiência de trabalhar em um projeto vinculado com a UNICEF empoderando crianças por meio de diferentes formas de expressão artística foi uma das melhores que ele já teve em toda sua vida.

Nas 6 semanas que passou trabalhando nessa ONG, ele elaborou vários workshops, como, por exemplo, de fotografia para crianças, e todas as experiências vividas fizeram com que ele se desenvolvesse muito como líder. Além disso, o período que ele estava lá coincidiu com a época da Primavera Árabe, e ele pôde ter uma visão bem próxima do que estava acontecendo. Formado em relações internacionais, poder estar tão perto de um dos maiores acontecimentos da história foi algo excepcional e extremamente impactante para sua vida.

Orion durante seu intercâmbio voluntário no Cairo, Egito

Quais habilidades você desenvolveu enquanto estava na AIESEC?

Fazer parte da AIESEC permite que você desenvolva diversas soft e hard skills. Para Orion, algumas das habilidades desenvolvidas foram de ser orientado a soluções (problem solving), ter senso de responsabilidade, resiliência, skills de vendas, seleção de talentos e criatividade. Além disso, o autoconhecimento proporcionado pela AIESEC também foi fundamental para que ele entendesse melhor quem ele é e qual área deveria seguir em sua carreira profissional.  

Um ponto essencial para o crescimento pessoal e profissional de Orion foi o desenvolvimento da liderança. A liderança é um dos pilares da experiência da AIESEC, e nós acreditamos que toda pessoa pode se tornar um líder. De acordo com Orion, ser um líder é ter “atitude de liderar, sem precisar necessariamente ter um cargo de liderança”.

Como a experiência de membro da AIESEC te ajudou a construir sua carreira profissional?

Orion acredita que algo fundamental para a construção da sua carreira profissional foi o networking que ele realizou por meio da AIESEC. Ter uma rede de contatos formada por pessoas de todo o mundo, de diferentes áreas e funções, ajudou bastante na busca por emprego. O primeiro trabalho que ele conseguiu no ramo de inovação, por exemplo, foi por meio do contato de uma de suas mentoras na AIESEC.

Todas as experiências profissionais que Orion já teve só foram possíveis por causa do conhecimento, dos contatos e das habilidades que ele adquiriu durante seu tempo como membro da AIESEC. Atualmente, Orion é chefe de gestão de produtos em uma startup de gestão de inovação na Holanda, e mora entre a Suécia e a Holanda.

Orion sendo facilitador de uma palestra

O diferencial da AIESEC

Para Orion, “o grande diferencial da AIESEC é você aprender fazendo”. Segundo ele, a essência de todo membro da AIESEC é de aprender com a prática, se desafiar, ser líder de si mesmo, e é difícil encontrar outra organização que seja tão construtiva nesse sentido.

Muito mais que uma ONG internacional de jovens, a AIESEC é uma organização que trabalha com desenvolvimento de talentos. Todo membro, durante sua jornada na organização, é exposto a todos os recursos necessários para atingir todas as suas potencialidades, de acordo com seu interesse pessoal. No caso de Orion, a AIESEC foi o pilar para aflorar o que ele é, para despertar todo o seu potencial, e isso foi crucial para mudar a sua vida.

Você tem interesse em fazer parte da AIESEC? Clique aqui e se inscreva para ser membro!

Para conhecer mais sobre a AIESEC no Brasil, acesse aqui e também conheça nosso instagram @aiesecnobrasil

#CompartilheSuaHistóriaComAIESEC

Por Beatriz Caldas

Latest Posts

Activating youth leadership since 1948.

AIESEC in Brasil | 2021
All rights reserved.