Competências que multinacionais mais esperam de estagiários

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

No passado, quando alguém falava sobre estagiário, logo se pensava em um funcionário responsável por pequenos serviços operacionais que outras pessoas não queriam fazer. Isso de fato fez parte da realidade de muitos estagiários no passado, porém, hoje em dia, eles estão conduzindo tarefas mais complexas do que no passado e assumindo maiores responsabilidades. Portanto, esqueça a história sobre servir cafés e passar o dia na máquina de cópias e verifique as expectativas que as empresas têm sobre as competências dos estagiários.

Competências que multinacionais mais esperam de estagiários 

Estudar e também dar início a uma rotina de trabalho nem sempre é fácil. Ao adentrar no mercado profissional, os estagiários muitas vezes se deparam com dificuldades. Participar do programa de estágio da empresa significa ter a oportunidade de conhecer a sua profissão na prática, ter experiência de mercado e construir um networking.

É necessário ter algumas competências que vão além do conhecimento técnico da área profissional para se destacar. As empresas buscam jovens com potencial de desenvolvimento e esperam que eles tenham certas habilidades que possam ser utilizadas ao longo do programa de estágio. Se você não sabe o que a empresa espera dos estagiários, verifique as principais competências:

Trabalho em equipe

Ter habilidades para realizar trabalhos em conjunto, flexibilidade para lidar com diferentes perfis de pessoas e uma postura colaborativa é essencial. O trabalho em equipe é fundamental. Os times trabalham como um conjunto de engrenagens, onde todos colaboram, Essa habilidade é, então, fundamental para aumentar o desempenho de suas tarefas.

Criatividade

Esta é uma das qualidades profissionais para que os colaboradores demonstrem capacidade inovadora, possam propor soluções, criar oportunidades e ousar fazer coisas de formas diferentes. Além da capacidade para criar novos métodos de trabalho e até mesmo novos produtos e serviços que a empresa pode fornecer, eles também podem encontrar soluções alternativas para os problemas internos da empresa.

Comunicação

Saber comunicar-se de maneira clara e efetiva pode facilitar os relacionamentos dentro da empresa e abrir diversas portas no mercado de trabalho. Então, para que essa habilidade seja desenvolvida, é importante saber ouvir, falar sempre que for necessário e não desviar a atenção ou o olhar. Muitas vezes, uma boa comunicação é bem mais importante do que habilidades técnicas.

Resiliência

A base para que todas as outras competências sejam desenvolvidas é a resiliência.

Isso acontece porque o colaborador resiliente é ainda mais capacitado para lidar com os problemas do dia a dia, resistir à pressão e adaptar-se às mudanças. Ele mantém-se forte e focado para encarar os novos desafios.

Segundo idioma

Já faz algum tempo que não é novidade que é necessário ter domínio de outra língua, principalmente o inglês. Esta competência deixou de ser somente “desejável” para se tornar um “pré-requisito” para muitas vagas de emprego. A importância do inglês no meio profissional é tanta que, mesmo quem já trabalha numa mesma empresa há algum tempo, sente-se pressionado a aprender a língua.

A importância do inglês no mercado de trabalho é ainda maior para quem quer conquistar melhores salários. Segundo uma pesquisa feita pela Catho, um profissional que sabe falar inglês fluentemente pode receber entre 47% e 52% a mais do que um que não saiba, dependendo do seu nível hierárquico.

Liderança

A capacidade de liderar pessoas e equipes com eficácia, extraindo o melhor de cada pessoa para alcançar resultados diferenciados, e permitir que todos trabalhem juntos, é a qualidade perseguida por empresas em diversos ramos. Para se tornar um líder, você não precisa ocupar um cargo de gestão. Você pode desempenhar um papel de liderança, independentemente de sua posição ou função.

Como adquirir estas competências?

Todas essas competências citadas acima podem ser adquiridas por meio de um dos programas de intercâmbio profissional da AIESEC: o Talento Global.


O programa Talento Global é a oportunidade perfeita para o jovem que quer desenvolver sua liderança inserido no mercado de trabalho internacional, desafiando-se em um ambiente totalmente novo, enquanto alavanca sua carreira em uma perspectiva mundial com algum dos nossos parceiros.

Neste programa profissional, você tem a oportunidade de desenvolver sua carreira com um estágio internacional, no período de 6 a 8 semanas. Para ter sua vivência como líder global neste programa, é fundamental que você atenda alguns requisitos, tais como ter entre 18 e 30 anos, possuir inglês ou espanhol intermediário e já ter tido alguma experiência na área de atuação na qual teria interesse em se aplicar.

Nessa experiência, o intercambista recebe uma bolsa-auxílio para cobrir os custos básicos ou acomodação durante o período de intercâmbio.

Não perca tempo! Inscreva-se agora e o escritório mais próximo de você irá lhe apresentar os projetos de acordo com seu perfil e interesse!

Por Guilherme Junior