Employer Branding e Diversidade

Hoje cada vez mais as empresas buscam se tornar cada vez mais diversas e inclusivas. Por mais que busquem esse mesmo objetivo, as empresas que têm esse desejo podem o ter para explorar diferentes aspectos que a diversidade influencia, como o aspecto social, o poder de atração de talentos e o potencial de inovação.

Com o avanço das práticas ESG, e a suas questões sociais, e também até mesmo a necessidade de respeitar legislações trabalhistas envolvendo diversidade, as empresas têm atuado cada vez mais direcionadas em se adequar a essas obrigações. Mas por mais que sejam “obrigações”, essas ações causam o impacto e proporcionam mais a inclusão que é visada.

Ter um ambiente mais diverso e inclusivo interfere diretamente em como os talentos no mercado de trabalho podem considerar, ou não, participar dos seus processos seletivos e querer trabalhar na empresa. De acordo com um estudo do Twitter divulgado em 2021, a geração Z confia em empresas que se posicionam sobre pautas sociais e que devem tomar atitudes positivas em prol da sociedade, como tornar os ambientes mais diversos e inclusivos.

A partir de um estudo realizado pela Accenture em mais de 20 países e com mais de 15 mil pessoas, em que o grande output foi que o potencial de inovação de uma empresa está diretamente relacionado ao quão diversa e inclusiva é a organização. Outras conclusões muito relevantes são que diversidade e inclusão geram mais inovação que aumentos salariais e os colaboradores de empresas diversas não sentem barreiras para a inovação.

Com isso temos aspectos muito palpáveis que podem ser meios para o atingimento de objetivos estratégicos das empresas através de um ambiente diverso e inclusivo. Mas para que a empresa consiga permanecer sendo e atraindo pessoas diversas é necessário que se posicione como uma empresa diversa no mercado de trabalho. Se posicionar enquanto empresa diversa contribui para que os processos de aquisição de talentos atraiam pessoas diversas e assim a empresa consiga evoluir constantemente.

Como se posicionar?

  • Se conectar e se relacionar com organizações que promovem e trabalham pela diversidade nas empresas;
  • Compartilhando as práticas internas de diversidade e inclusão nas redes sociais, como grupos ou coletivos de diversidade;
  • Empoderar e motivar as próprias pessoas que são colaboradoras a compartilhar as ações de diversidade e inclusão que a empresa realiza;
  • Participando de eventos sobre o tema, como o Divesa da AIESEC no Brasil em que empresas podem se posicionar enquanto diversas para um público jovem e diverso.

Quer saber como a sua empresa pode participar do Diversa? Clique AQUI e se inscreva.

Por Flávio Fernandes Filho.

Compartilhe

Nossos intercâmbios com descontos de

*Promoção válida por
período limitado.