Endomarketing: sua empresa tem um Marketing Interno forte?

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

O endomarketing ou marketing interno é um termo muito constante na gestão moderna das empresas, pois muitas delas já atentaram a ele como um grande aliado para manter os funcionários satisfeitos e como medida para vender mais. Parece ótimo, não é mesmo? Mas, você sabe como o endomarketing pode ajudar a sua empresa a ser mais produtiva e competitiva?

Preparamos um post para que você comece hoje mesmo a estruturar seus planos de abordagem aos empregados, visando a máxima qualidade do produto/serviço oferecido aos seus mercados.

O que é endomarketing?

O endomarketing é uma das áreas da administração que utiliza técnicas do marketing convencional com o público interno de uma organização. A técnica preza pelo relacionamento interpessoal, pela promoção e disseminação da cultura empresarial e pelo fluxo de informações.

O significado de endomarketing é claro, mas seu conceito é muito amplo. Existem muitas definições práticas a respeito do tema. Em suma, conhecido como marketing interno das empresas, o endomarketing tem como sua principal função atrair e reter o cliente interno, com a função de obter resultados positivos para a empresa. Por isso, é muito comum que os setores responsáveis pelo endomarketing nas empresas sejam a integração do setor administrativo (RH) e marketing (comunicação).

Quais os benefícios do endomarketing?

Existe uma série de benefícios para o uso do endomarketing nas empresas. Entre eles, podem ser citados:

  • aumento da conexão entre a pessoa e a empresa;
  • funcionários mais motivados;
  • retenção de talentos;
  • diminuição de custos trabalhistas;
  • consciência sobre o trabalho realizado;
  • melhoria na comunicação interna;
  • agilidade no fluxo de informações;
  • alinhamento de objetivos da empresa e do colaborador;
  • sintonia entre valores;
  • aumento de vendas.

Cada empresa poderá constatar outros benefícios e moldar a técnica para atingir melhorias exclusivas. À medida que novas gerações integram a equipe de trabalho, são integradas também novas características de personalidade, satisfação e reconhecimento que exigem mudanças internas. Então, as empresas estão estudando cada vez mais como utilizar o marketing interno para sensibilizar sua equipe e melhorar sua performance.

Como o endomarketing pode ajudar a sua empresa?

À medida que se desenvolve fluxos de comunicação mais ágeis e transparentes por meio do marketing interno, os funcionários se sentem motivados a participar de ações de endomarketing. Assim, ficam mais abertos a uma comunicação focada na venda de atributos intangíveis — como a melhor empresa para se trabalhar, o melhor produto do mercado, assim por diante.

O objetivo é sempre manter os funcionários satisfeitos, produtivos e bem relacionados com seus colegas, contribuindo para a qualidade do clima organizacional e tornando-se exemplos a serem seguidos pelos futuros funcionários. É válido ressaltar que se a empresa não atuar conforme o que ela comunica, definitivamente não será bem-sucedida em suas ações de endomarketing, já que elas entrarão em conflito com a comunicação interna.

Sendo assim, alinhar o marketing interno à cultura da empresa é um passo simplesmente essencial. Abaixo, separamos algumas dicas para você usar o endomarketing a favor da sua empresa para vender mais e obter melhor satisfação interna com funcionários e gestores:

Use seu site para fazer endomarketing

Toda vez que publicar um post novo no seu blog, envie um e-mail para toda a empresa. Assim, sua comunicação ficará mais fluída e todos saberão os tópicos que você está usando para sensibilizar seus clientes. Além disso, sua equipe se atualizará com conhecimentos complementares para o dia a dia.

Realize enquetes

Independentemente do tempo que um colaborador trabalha na sua empresa, ele pode contribuir com ideias interessantes para melhorar produtos, serviços e, até mesmo, o ambiente de trabalho. Ao elaborar pequenas enquetes você receberá ideias espetaculares para melhorar sua empresa.

Crie uma política de benefícios empresariais

Uma empresa bem-sucedida em todos os aspectos é aquela na qual os colaboradores não hesitam em vestir a camisa e unir esforços em busca de bons resultados. Isso, no entanto, só é possível quando os times de trabalho estão devidamente incentivados e motivados para tal.

Felizmente, cada vez mais empresas que trabalham com endomarketing percebem a importância de prezar pela saúde e pelo bem-estar do colaborador, garantindo a satisfação interna. É justamente aqui que os benefícios empresariais — como plano de saúde, vale-refeição, vale-alimentação, vale-cultura, entre outros — entram como estratégias eficientes.

Invista nos colaboradores

Um erro que precisa ser evitado a todo custo pelos gestores é pensar que o capital mais valioso do negócio é o financeiro. Ele é importante, é claro, mas o que faz qualquer organização funcionar eficientemente são os funcionários — os verdadeiros bens mais preciosos das empresas.

Investir nos times de trabalho — por meio de treinamentos, cursos, etc. — é uma ação comum entre as empresas que trabalham com endomarketing. Além de ser bastante eficaz, uma vez que tem o poder de qualificar, engajar e até mesmo alinhar os colaboradores com a missão do negócio. Trata-se também de uma boa forma de mantê-los motivados, quando executada com sucesso.

Faça eventos corporativos

Muitos gestores costumam não imaginar, mas os eventos corporativos são excelentes oportunidades para fazer um bom marketing interno, aumentando a produtividade dos times de trabalho e motivando-os a realizarem as suas funções com excelência. Por meio deles, a organização mostra que seus funcionários são importantes e que o trabalho feito por todos é valorizado.

É durante os eventos corporativos que ocorre uma maior integração entre aqueles que, apesar de trabalhar no mesmo escritório, sequer têm tempo de se conhecer. Os colaboradores também se sentem mais próximos dos gestores nesses momentos, podendo conversar sem a imposição da pirâmide hierárquica do cotidiano de trabalho.

Proporcione um ambiente inspirador aos funcionários

Devido aos altos níveis de competitividade do mercado de trabalho atual, se a sua organização não se preocupar em oferecer um ambiente de trabalho bom e inspirador aos colaboradores, é bem provável que ela possa lidar com a baixa produtividade e com a perda de talentos para a concorrência.

Por meio de um ambiente de trabalho inspirador, a organização mostra que é um lugar atrativo para se trabalhar. Se você está a par das principais tendências, provavelmente já notou que várias empresas (sobretudo startups) já vêm incluindo no cotidiano de seus funcionários fatores estimulantes, como dress code e horários flexíveis.

Nesse sentido, uma estratégia interessante é descobrir o que o seu público interno mais busca no ambiente de trabalho. Além de, com bastante planejamento, fazer as mudanças pertinentes, considerando sempre a cultura da empresa.

Estabeleça um canal de comunicação interna

Atualmente, existem várias plataformas no mercado capazes de atender essa necessidade, de modo a integrar equipes e produzindo um fluxo colaborativo dentro da empresa. Lembre-se, no entanto, que para manter um canal eficiente de comunicação interna, é importante estabelecer uma via de mão dupla. Isso pode ser feito escutando o que o colaborador tem a dizer e também disseminando conteúdos relevantes, como informações sobre lançamentos e promoções, notícias corporativas e artigos motivacionais.

Conte com as ferramentas para fazer endomarketing

Existem ferramentas que podem ajudar muito na elaboração de estratégias de endomarketing. Com isso, suas ações são mais assertivas e efetivas em seus objetivos. Confira, a seguir, algumas delas:

TinyPulse

O TinyPulse é uma ferramenta online muito simples que ajuda a coletar informações úteis dos seus colaboradores. Você cadastra sua equipe com nome e e-mail, configura perguntas e respostas e semanalmente a ferramenta dispara uma pesquisa para a equipe e compila resultados online. É muito útil e fácil de usar.

Redes sociais corporativas

Também conhecidas como “RSCs” ou “redes sociais internas”, elas são inspiradas em plataformas já existentes (como o Facebook) e contam com uma série de características e funcionalidades inovadoras, contribuindo diretamente com a comunicação interna de uma empresa.

Cada colaborador conta com seu próprio perfil na ferramenta, que possibilita a publicação de informações, fotos e vídeos, além da fomentação aos debates e criação de vínculos com outros funcionários. Inclusive, é válido adaptar essas redes aos interesses de cada organização, criando grupos e fóruns para cada departamento, por exemplo.

iAppreciate

Trata-se de um aplicativo online bastante simples, mas excelente ao valorizar o trabalho de uma equipe interna. Isso porque, por meio dele, os líderes podem parabenizar os feitos de seus funcionários por meio de certificados personalizados para equipes — e sabemos que não há nada melhor do que reconhecimento e valorização para manter um time integrado e motivado.

Elabore e-books para as equipes de vendas

Sua equipe de vendas precisa estar atualizada com seu time de marketing. Por isso, é fundamental que os vendedores da sua empresa tenham em mãos todos os e-books que você disponibiliza no seu site.

Assim, eles costumam conversar no mesmo nível que seus clientes. Caso o comprador ainda não tenha lido algum material importante, o vendedor pode entregar aquele conhecimento por meio do e-book gratuito.

Aposte na automação do marketing

Você pode criar uma sequência de e-mails automáticos para transmitir para toda a empresa um novo conhecimento ou uma novidade estratégica da sua gestão. Praticamente todos os funcionários de empresas de prestação de serviços utilizam e-mail corporativo. Por isso, você aproveitará esse canal para enviar informações programadas para sua equipe e estar alinhada com suas estratégias de gestão, objetivos alcançados, etc.

Dissemine a cultura da organização

Para que uma ação de endomarketing alcance os resultados desejados, é fundamental envolver os colaboradores na cultura da empresa. Isso pode ser feito, por exemplo, mostrando a eles a visão, os princípios e, sobretudo, os valores da organização, com o objetivo de fazer com que eles se identifiquem com a marca.

Por fim, certifique-se de que todos os funcionários compreendam a importância desses valores, que devem ser vistos por eles como parte de si mesmo. Isso porque ao motivar seus funcionários e estimular o sentimento de pertencimento à empresa, você estará transformando-os em potenciais fãs da sua marca — sendo os funcionários e clientes os melhores porta-vozes de uma companhia.

Inspire-se nos cases de sucesso

Muitas vezes, trabalhar com endomarketing exige muita criatividade. Assim, conhecer cases de sucesso de empresas que trabalham com endomarketing é uma ótima forma de ter ideias inovadoras e com maiores chances de darem certo. Veja a seguir dois exemplos:

Fiat

A Fiat é, sem sombra de dúvidas, uma das empresas que carregam o endomarketing em seu DNA. Ela acredita que seus colaboradores devem ser tratados da mesma forma que os clientes externos e, por esse motivo, são justamente os seus funcionários os primeiros clientes a fazerem o test-drive dos principais lançamentos. Além disso, a organização oferece benefícios como festas de aniversário de casamento e de debutantes para as filhas dos colaboradores como incentivo.

Em relação à comunicação interna, ela conta com uma plataforma tecnológica oferecida aos funcionários, disponibilizando vagas, promoções, listas telefônicas e um link “fale com o presidente”, canal que possibilita a comunicação de qualquer colaborador com o chefe. Certamente uma ideia interessante, não?

Toyota

Assim como a Fiat, a Toyota definitivamente merece estar entre os cases de sucesso das empresas que trabalham com endomarketing. Essa empresa é referência mundial no quesito marketing interno ao construir relacionamentos fortes e motivadores com seus funcionários.

A proposta adotada pela companhia para motivar os colaboradores, no entanto, é um pouco diferente. Ela aposta na criatividade do trabalho em equipe, em vez das ações individuais. Para isso, há um investimento significativo em treinamentos, ações de motivação e incentivos aos projetos dos funcionários.

Portobello

Adaptar-se às regras de uma empresa costuma ser um processo bem difícil. Engajar os colaboradores mais antigos também é um pouco difícil, já que a maior parte de suas vidas profissionais pode ter caído em uma rotina muito regrada.

A Portobello usou dois métodos para resolver esses dois problemas. Primeiro, foi criado um jogo de tabuleiro que explica as regras da companhia e seus objetivos. Segundo, foram criadas histórias em quadrinhos que ilustram a jornada de crescimento de cada colaborador na empresa. Ótimos métodos para manter a atenção da equipe e melhorar seu emprenho.

Best Buy

Dentro dessa empresa, houve uma época em que o turnover de funcionários estava muito elevado, chegando até 60%. Isso gerava vários custos com contratação e ajuste de novos colaboradores à função.

Para remediar a situação, foi criada uma campanha de endomarketing que consistia em uma rede social exclusiva para os funcionários da empresa. Por meio dela, todos podiam trocar dicas, tirar dúvidas e se aproximar como equipe. A campanha foi tão bem-sucedida que reduziu a rotatividade para 12%. Uma performance bem alta em qualquer contexto.

Wise Up

Uma boa parte do processo de conversão e aquisição de alunos costuma acontecer diretamente nas unidades. Cada professor tem o potencial de gerar mais matrículas, o que traz maior rentabilidade para a unidade e para a empresa.

Sendo assim, a Wise Up decidiu incentivar esse tipo de trabalho no dia a dia dos professores criando um programa de recompensas para aquele que conseguir fechar mais matrículas. Isso gamefica o processo de captação e dá a todos os profissionais um objetivo claro.

Golden Cross

A venda de seguros de saúde da Golden Cross vinha sofrendo algumas baixas, pois seus corretores não estavam fechando negócios o suficiente para manter suas cotas. Para ajudar a incentivar seus profissionais, foi criado um programa de recompensas, no qual o melhor corredor de cada uma das principais filiais receberia um presente, como eletrodomésticos ou mesmo um prêmio em dinheiro.

O sucesso dessa ação logo ficou bem claro. O número de assinaturas obtidas pelos corretores aumentou consideravelmente nos meses seguintes e a campanha ainda é implementada pela empresa para manter o melhor desempenho.

Citibank

Ter orgulho de fazer parte de uma empresa faz uma grande diferença no empenho e satisfação de qualquer equipe. O Citibank sabia disso e criou a propaganda “Sou mais Citi”. Todos os funcionários da empresa foram fotografados com a mão no peito ao longo de 10 dias, mas sem saberem que se tratava de uma campanha.

Algum tempo depois, a frase “Sou mais Citi” foi adicionada às fotos e todas elas foram usadas como parte de um material de campanha. Cada funcionário dentro da empresa pode aparecer como a cara do negócio, pelo menos, uma vez durante esse tempo.

O endomarketing é uma forma altamente eficiente de melhorar o engajamento do time. Lembre-se que a imagem da empresa não se constrói apenas para o público, mas também para os colaboradores.

E então, gostou do conteúdo que trouxemos no post? O seu negócio já está entre as empresas que trabalham com endomarketing? Compartilhe suas experiências e considerações nos comentários!

1 comentário em “Endomarketing: sua empresa tem um Marketing Interno forte?”

  1. Excelente artigo. Nos dias atuais ainda é um grande desafio a implementação do Endomarketing dentro das organizações. Mas certamente é um grande diferencial tanto no ambiente interno das empresas, assim como reflexão externa para sucesso das mesmas dentro do mercado competitivo. Todos tem a ganhar tanto funcionários, como o mercado como todo em si.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *