Os 4 erros na gestão de pessoas (e como evitá-los)

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

A gestão do capital humano tem sido um fator de extrema relevância para o sucesso das empresas, principalmente quando se leva em consideração a alta competitividade no mercado. Por esse motivo, é fundamental evitar erros na gestão de pessoas, os quais podem comprometer toda a saúde do negócio.

Todos os dias, alguns deslizes pequenos e imperceptíveis são cometidos e podem acabar prejudicando o relacionamento interpessoal. A falta de engajamento da equipe, falhas na comunicação interna e ausência de clima empresarial também podem comprometer os resultados de todo o time de trabalho.

Pensando em ajudá-lo a garantir bons resultados na empresa, preparamos uma lista com os 4 maiores erros de gestão de pessoas que o gestor precisa evitar. Continue lendo e fique por dentro do assunto!

1. Foco apenas em resultados

De modo geral, todas as organizações buscam duas conquistas: reduzir as despesas e aumentar os lucros. No entanto, tais metas não devem ser as únicas existentes, já que são pouco inspiradoras e, sem dúvida, não vão engajar os profissionais.

Os propósitos de uma empresa não podem ser individualistas, focados apenas em seus interesses. É imprescindível que eles sejam elaborados em consonância com os seus envolvidos, como colaboradores, clientes e investidores.

Então, sempre busque responder à seguinte pergunta: qual é o objetivo do seu negócio? Lembre-se que ele não pode trazer benefícios apenas para a empresa, mas para todos os parceiros-chave. Com isso, você vai poder contar com uma equipe mais engajada e que tem orgulho de vestir a camisa da empresa, além de parceiros satisfeitos.

2. Falta de comunicação

A falta de comunicação é um dos maiores problemas dentro de uma empresa e acaba gerando desentendimentos internos. Uma vez que hoje há inúmeros canais que facilitam esse processo, como TV corporativa, intranet, mural, blogs, redes sociais e aplicativos, a ausência de meios não pode servir como justificativa para uma comunicação ineficiente.

Na prática, a comunicação interna pode ser feita de forma horizontal (ou seja, entre os próprios colegas de trabalho) ou vertical (entre os líderes e seus liderados). O que realmente importa é que ela não deixe de existir.

Para isso, é essencial que todos os líderes da organização estejam alinhados, pois é dessa maneira que os resultados certos serão alcançados.

3. Ausência de feedback (ou não saber como fazê-lo)

Embora pareça algo muito simples, ainda há muitos gestores que não compreendem a relevância dessa atividade para o bom desempenho dos colaboradores. A falta de um retorno franco pode ser o principal motivo para a baixa produtividade dos profissionais e uma das maiores deficiências na gestão de pessoas.

O feedback precisa fazer parte da cultura da empresa, proporcionando a todos os funcionários a oportunidade de entender como anda o seu desempenho e o que pode ser feito para melhorá-lo.

4. Definição de metas inatingíveis

Metas que não podem ser alcançadas são insignificantes. Elas acabam desmotivando os colaboradores, além de terem um efeito totalmente oposto ao que é esperado.

Ótimas metas apresentam 5 principais características. Elas são:

  • específicas;
  • mensuráveis;
  • alcançáveis;
  • relevantes;
  • temporais.

Esse modelo é conhecido mundialmente como SMART — Specific, Measurable, Attainable, Relevant, Time-Based. Vale destacar que as iniciais, em inglês, formam a palavra “inteligente”.

A Matriz SWOT — Strengths (Forças), Weaknesses (Fraquezas), Opportunities (Oportunidades) e Threats (Ameaças) — é uma importante ferramenta para fazer análises do ambiente externo e interno. Ela leva em conta os pontos fortes e fracos da empresa, além das ameaças e oportunidades do mercado. Dessa forma, torna-se bem mais fácil elaborar metas de sucesso e, claro, alcançáveis pela equipe.

O mais relevante de conhecer os erros na gestão de pessoas é a possibilidade de se manter atento ao time. Afinal, é necessário entender quais são as necessidades dos colaboradores, qual a melhor maneira de dar um retorno sobre o desempenho de cada um, além de estimular a produtividade e o engajamento da equipe.

Assim, será possível perceber qual é a melhor forma de construir uma comunicação interna eficaz e, sobretudo, proporcionar o crescimento do negócio.

E então, gostou deste post sobre os maiores erros na gestão de pessoas? Aproveite para curtir a nossa página no Facebook e acompanhe todas as nossas atualizações por lá!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *