Saiba como montar e gerir um ambiente multicultural na sua empresa

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Um ambiente multicultural é aquele que reúne membros de diversas culturas. Com o intercâmbio profissional cada vez mais comum entre as empresas, lidar com a multiplicidade no ambiente de trabalho já é algo inevitável.

Contar com colaboradores de diversas nacionalidades é uma forma de criar ambientes mais criativos e inovadores. No entanto, não basta contratar funcionários de outros países indiscriminadamente e esperar pelos resultados. É necessário contar com lideranças comprometidas com a finalidade de extrair todo potencial da multiculturalidade.

Quer saber como criar um ambiente multicultural na sua empresa? A seguir, você entenderá melhor a importância do tema e ver uma série de dicas práticas para montar e gerir equipes multiculturais. Boa leitura!

Importância de ambientes multiculturais nas empresas

Investir em multiculturalidade é lucrativo para os negócios. Contratar pessoas de outras nacionalidades é uma oportunidade para instigar novos pensamentos. Isso ajuda na criação de soluções inovadoras e no processo de tomada de decisão.

Além disso, a estratégia é indispensável para quem planeja a internacionalização de empresas brasileiras. Isso porque um funcionário estrangeiro pode levar para a organização bastante conhecimento estratégico sobre a região pretendida na expansão.

Equipes multiculturais ainda são mais dinâmicas. No geral, as principais vantagens da multiculturalidade são:

  • integração de equipes;
  • profissionais mais respeitosos;
  • ambiente mais criativo;
  • colaboradores mais dinâmicos e inovadores;
  • maior produtividade;
  • melhor reputação da empresa.

Passo a passo para montar e gerir um ambiente multicultural

Empreendedores incomodados com ambientes de trabalho formais e antiquados tendem a montar equipes multiculturais. Contudo, essa prática exige muito mais do que boa vontade. Afinal de contas, todo o ecossistema diverso precisa levar benefícios ao negócio.

Para ter um ambiente respeitoso e propício para o desenvolvimento pessoal e profissional, é preciso criar estratégias de respeito à diversidade. Isso contribui para a harmonia entre equipes e, assim, você consegue extrair o melhor de cada colaborador. A seguir, você vai ver uma série de boas práticas a fim de montar e gerir um ambiente multicultural.

Crie um ambiente acolhedor

Antes de contratar qualquer colaborador de outro país, você precisa preparar o terreno da sua empresa. Se o ambiente não é acolhedor para os funcionários que já atuam nela, por exemplo, é claro que não será para os estrangeiros.

Portanto, em primeiro lugar, é necessário envolver os trabalhadores atuais nessa estratégia, além de criar uma atmosfera harmônica e de respeito. Assim, os colaboradores, que vão recepcionar os integrantes de outras culturas, estarão satisfeitos e motivados com esse novo passo. Toda essa receptividade facilita o processo de adaptação de estrangeiros.

Estabeleça políticas

Para que o respeito à multiculturalidade seja incorporado no DNA da empresa, é importante modificar alguns elementos enraizados como cultura e valores. É uma tarefa difícil, mas necessária. Isso porque essas diretrizes moldam atitudes e comportamentos no ambiente de trabalho.

Além do mais, é necessário estabelecer políticas claras de integração e boa convivência. Esse registro precisa conter informações bem didáticas de atitudes inaceitáveis que deixarão os colaboradores de outras culturas desconfortáveis e intimidados. Contudo, as regras não valem apenas para as equipes. Lideranças e alta gestão também precisam se engajar no projeto.

Eduque a sua equipe

Com ambiente acolhedor criado e políticas estabelecidas, é hora de educar a equipe para que esses valores sejam incorporados de verdade. Em vista disso, elabore treinamentos e ações de conscientização, a fim de esclarecer sobre a importância do tema.

Essas atividades vão ajudar os colaboradores a desenvolverem um olhar de valorização da multiculturalidade. Assim, a equipe trabalhará de maneira mais confortável e o ambiente de trabalho ficará mais harmônico.

Vale lembrar de que essa educação não é útil apenas na recepção de colaboradores estrangeiros. Mesmo dentro do Brasil é possível ver diferenças significativas entre hábitos e maneiras de agir. O trabalho de educação serve para deixar os colaboradores mais respeitosos e flexíveis, independentemente do contexto cultural.

Reconheça o que você ainda não sabe

Contratou um estagiário estrangeiro? Então deixe claro para ele que você ainda não conhece tudo sobre a sua cultura, mas está se esforçando para aprender. Assim, o colaborador pode se sentir mais confortável e, até mais, compreensivo caso você cometa alguma gafe.

Porém, mesmo com esse alerta, é importante estudar os hábitos do novo funcionário com o propósito de recepcioná-lo bem. Em algumas culturas, os abraços e contatos físicos, por exemplo, são considerados desrespeitosos.

Indicar “joinha” com o dedo é uma atitude comum entre os brasileiros, mas é considerado um gesto ofensivo em outros países. Então pesquise bastante para não ofender nem o profissional, nem a sua cultura.

Mantenha os canais de comunicação abertos

Os colaboradores precisam se sentir livres para expressarem insatisfações e darem sugestões. Além de criar um sentimento de pertencimento, essa abertura facilita a identificação de pontos de melhoria. Manter um diálogo interno, inclusive, é uma boa prática com o objetivo de promover felicidade no trabalho.

Sendo assim, crie uma estrutura de comunicação interna forte. A iniciativa fortalece a cultura da multiculturalidade e cria canais de comunicação abertos para promover o diálogo. Intranet, murais e redes sociais corporativas podem ajudar nesse processo.

Celebre as diferenças culturais

Não basta respeitar, é importante pegar elementos de outras culturas e incorporá-los no dia a dia do seu negócio. Isso também gera um sentimento de pertencimento e mantém colaboradores mais engajados no projeto.

Essa celebração não se limita às festas e feriados de outras culturas. Comemorar as diferenças significa valorizar o indivíduo do jeito que ele é — seja ele líder, realizador, pensador ou organizador. Afinal de contas, uma equipe é composta por membros com habilidades e personalidades diferentes. É isso que fortalece o negócio.

Faça parcerias de sucesso

Encontrar o colaborador certo para integrar a equipe multicultural não é uma tarefa tão fácil. Como o processo de contratação de um estrangeiro é um pouco mais burocrático e dispendioso, é essencial fazer uma escolha acertada.

Por essa razão, faça parcerias com empresas especializadas em intercâmbio profissional. Dessa forma, você terá todo o suporte no processo de identificação de talentos internacionais, seleção, contratação até a adaptação dele na empresa.

Criar um ambiente multicultural é uma forma de potencializar os resultados do seu negócio. Isso porque uma equipe composta por membros de diversas culturas é mais criativa, inovadora, produtiva e engajada. No entanto, para ter sucesso com a estratégia, é importante planejar todo esse processo, atentar para as diferenças culturais e contar com ajuda especializada.

Gostou do conteúdo? Então que tal se aprofundar no tema? Baixe agora o e-book “Diversidade nas empresas: quais as vantagens e como implementar em 6 passos” e saiba mais sobre o assunto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *